Artigos

Mulheres - As Musas Inspiradoras da Arte

Sempre à frente do seu tempo, em todos os períodos, a arte estabelece sua relação com a sociedade dando a ela valores, crenças e tendências.

Seja no papel de musa inspiradora, protagonista da criação ou conselheira por trás dos grandes homens, a mulher sempre mostrou sua força como agente transformador do seu tempo e da arte!

A representação da mulher na arte surge como uma imagem, com valores profundos e atributos como: beleza física, formas generosas e seres maternais.

Vênus de Willendor, 25000-20000 a. C. Estatueta de pedra de aproximadamente 11 cm. Museu de História Natural, Viena, Áustria(1908).

 

A escultura de willendorf vênus foi a primeira imagem de mulher encontrada na História da Arte; naquela época esculturas tinham fortes significados sobrenaturais e acreditava-se que possuíam poderes mágicos – que mulher não tem?

Passa-se a Idade Antiga, com a imagem da Virgem Maria e, na Idade Média, a imagem da mulher começa a ter valores mais terrenos e se distancia da ideia religiosa, passando a associar-se aos poderes econômicos e sociais. É quando surge, no Renascimento, a famosa Monalisa, pintada em 1503 por Leonardo da Vinci.

Até este período, a mulher protagonizava na arte com a sua imagem e claro, seus poderes mágicos!

Na Idade Contemporânea, que teve início por volta de 1789, com uma visão ainda burguesa e conservadora, a sociedade descobre nas artes gráficas outra postura bem mais progressiva, irreverente, humanista e libertadora e é neste momento que a mulher encontra espaço para expressar suas ideias e começa a produzir.

Certamente o mundo passou a ser diferente!

Hoje, a sociedade tem ativa participação da mulher na sua construção!

Rompendo barreiras, a mulher moderna quebra paradigmas e está cada vez mais fortalecida social e profissionalmente.

Nesta singela homenagem, poderíamos citar inúmeras mulheres que marcaram a história da arte com suas obras, ideias e ideais e obtiveram sucesso e reconhecimento, mas a intenção é homenagear TODAS as mulheres que, de uma forma ou outra, expressam sua arte, seja ela qual for e a coloca no mundo com pureza e amor, sem distinções!

A mulher atual é dinâmica e criativa, trabalha e assume papeis que vão além de pensar apenas no ambiente familiar, ela busca melhorar sua formação e se especializar para criar coisas novas.

Ao homem, cabe o importante papel de reconhecer, apoiar e aplaudir o sucesso da mulher em todos os campos aonde ela atua com brilhantismo.

A arte de ser mulher!

Dedico esse artigo a todas as mulheres, em especial à minha filha Manuela de, 5 anos, que cresce em um mundo muito mais justo com as mulheres e a minha mãe, Maria Rita, que aprendeu a lutar pelos direitos da mulher ao longo dos seus 67 anos.

Um beijo a todas vocês, nossas musas inspiradoras!

Texto: Otávio Sosa

Revisão: Laerte Galesso

Comentários