Enviando Formulário...

A virada do século XXI marcou também uma grande mudança na indústria das animações ocidentais, que foi a entrada massiva de desenhos em 3D, ao contrário dos clássicos em 2D. Nesse cenário, a Pixar foi um dos estúdios que mais se destacou, sendo uma das referências no gênero. E foi nela, que tivemos o surgimento de Josh Cooley, um dos principais nomes do meio. 

Hoje aqui falaremos um pouco mais sobre ele, assim como destacaremos alguns de seus principais trabalhos. 

Josh Cooley: as inspirações e o começo na Pixar

Joshua Cooley nasceu em 23 de março de 1980, em Berkeley, na Califórnia e desde cedo já gostava de desenhos, particularmente os dos Looney Tunes. Entretanto, a animação que o inspirou a querer seguir carreira na animação foi o filme que trazia a interação de pessoas reais com desenhos animados “Uma Cilada para Roger Rabbit”. 

Posteriormente em 2003 ele começa sua carreira na Pixar, mas ainda como estagiário. Foi quando Joe Ranft (que era conhecido como “Coração da Pixar”) o notou e passou a ser seu mentor, que sua carreira deslanchou. Isso porque apenas um ano depois, ele esteve como artista de storyboard do grande sucesso “Os Incríveis”, de Brad Bird. 

 

Sua estreia na Pixar foi em Os Incríveis

Ele seguiu neste mesmo cargo na Pixar durante anos, participando como storyboarder de outros grandes sucessos do estúdio. Por exemplo: ele esteve envolvido nas produções de Carros (2006), Ratatouille (2007) Up – Altas Aventuras (2009), Carros 2 (2011) e Rebelde (2012). 

Entretanto, sua carreira não estava apenas nos storyboards da Pixar, pois ainda em 2009 ele escreveu e dirigiu seu primeiro curta-metragem, chamado George e AJ. Para quem não conhece a história, trata-se de um spinoff de Up – Altas Aventuras, mas protagonizados pelos dois funcionários da casa de Shady Oaks que foram buscar Carl Fredericksen.  

Animação George e AJ

Para entender o quão marcante foi esta obra, foi a primeira vez que tivemos uma animação em 2D feita na Pixar. Posteriormente em 2011 ele dirigiu um segundo curta-metragem, chamado Mini Buzz (ou Um Pequeno Grande Erro). Este também era um spinoff, mas desta vez de Toy Story.  

Nesta animação (novamente em 3D), os eventos ocorrem após Toy Story 3, em que uma miniatura de Buzz oferecida como um presente na compra de refeições infantis decide tomar o lugar do verdadeiro Buzz de Bonnie. 

A mudança de Josh Cooley para roteirista e diretor 

Como ele já vinha ensaiando com esses curtas sair da função de storyboarder, sua primeira chance em uma grande produção foi em 2015 com o filme “Divertida Mente”. Nele, Josh Cooley foi roteirista, além de responsável pela história e pelo storyboard. Porém ele não fez o roteiro sozinho, já que Meg LeFauve e Pete Docter (baseado em sua história) e Ronnie del Carmen também estavam junto. 

Divertida Mente, o primeiro longa que Josh Cooley dirigiu

O sucesso foi tanto, que ele recebeu uma indicação ao Oscar por melhor roteiro original. Isso fez com que ainda em 2015 ele fizesse mais um curta (novamente em 3D) com uma história paralela do longa, chamado “Divertida Mente: O Primeiro Encontro de Riley”. Nele, temos a protagonista apresentando seu namorado Jordan para os pais. 

O sucesso de Divertida Mente chamou a atenção de John Lasseter, que convida Josh Cooley para co-dirigir e co-escrever (junto de Rashida Jones e Will McCormack) o aguardado Toy Story 4. Posteriormente em 2017, Lasseter decide deixá-lo como o único diretor da produção, que viria a ser lançada apenas em 2019. 

Seu maior sucesso: Toy Story 4

Só que com essa mudança, ele também fez algumas alterações na produção do filme. Os 4 escritores originais (Lasseter, Cooley, Jones e McCormack) ganharam o auxílio de Stephany Folsom e Andrew Stanton, assim como Valerie LaPointe e Martin Hynes. O sucesso foi estrondoso, rendendo recordes de bilheteria, assim como o Oscar de Melhor filme de animação, assim como uma indicação ao Globo de Ouro na mesma categoria. 

As últimas produções, sua saída da Pixar e novos projetos 

O último trabalho de Josh Cooley na Pixar foi ainda em 2020, quando contribuiu no roteiro de Soul, mas sem nenhuma participação de maior responsabilidade, como vinha sendo nas produções anteriores. Por fim, em março de 2020 após 17 anos ele deixa a Pixar.  

Contudo, ele não ficou muito tempo parado, já que logo depois ele trabalhou… de novo com a Pìxar, dessa vez fazendo o roteiro de “22 contra a Terra”, um curta derivado de Soul. Atualmente ele está envolvido em projetos de outras produtoras, sendo eles:  

  • A Animação Transformers One da Paramount Pictures, em que será um dos roteiristas, além de diretor; 
  • A animação com filme, Little Monsters da Universal, em que também dirigirá e fará o roteiro; 
  • O filme Malamander, que será o primeiro totalmente em live-action de Josh Cooley. 

Por fim, vale citar que Josh Cooley também é ator de voz, participando de diversas produções ao longo da carreira. Curiosamente diversas das que ele fez parte em outras funções como UP – Altas Aventuras (como Omega), Um Pequeno Grande Erro (como o Caixa e Lizard Wizard), mas não foram as únicas já que por exemplo ele foi a voz do Elefante Pintor na animação “Ursos sem Curso”, baseado no desenho do Cartoon Network. 

 

Aprenda desenho e ilustração na ABRA 

Gostou destas curiosidades? E que tal se fosse possível fazer um curso acadêmico completo, com acompanhamento individualizado e infraestrutura de ponta em nossa sede ou no conforto de sua casa? A ABRA oferece diversos cursos sobre desenho e ilustração nas modalidades presenciais, online e EAD ao vivo.  

Conheça agora mesmo os benefícios e metodologias dos cursos presenciais clicando aqui e faça sua matrícula agora mesmo!

Autoria: Departamento de Pesquisa e Cultura ABRA

×

Curioso(a) para desvendar os segredos da Inteligência Artística? Nosso e-book exclusivo, "EXPLORANDO O MUNDO DA IA - INTELIGÊNCIA ARTÍSTICA," está repleto de insights e conhecimentos profundos sobre como a IA está transformando o cenário artístico.

Queremos compartilhar esse tesouro de informações com você!

Basta preencher o formulário abaixo para baixar o e-book e começar a jornada de descoberta:

Mas espere, há mais! Além de receber seu e-book, convidamos você a mergulhar em nossos cursos que abrangem a interseção empolgante entre a criatividade e a IA. Prepare-se para expandir seus horizontes e criar de maneira inovadora.

Não perca a oportunidade de explorar a IA e suas possibilidades artísticas. Preencha o formulário e desbloqueie o acesso ao e-book e ao mundo de criatividade que o espera!

×

Regulamento da Campanha – ABRA.ia – Inteligência Artística

ABRA IA – Inteligência Artística

Em uma era digital mergulhe na sua criatividade
Período 01/08/2023 até 30/09/2023

 

1. Bolsas de estudo integrais para indicações:

Os participantes que comprarem um curso presencial e indicarem outra pessoa que também efetuar a compra de um curso presencial serão elegíveis para receber uma bolsa de estudo integral para um curso rápido de sua escolha de acordo com disponibilidade de vagas e datas de início.
Tanto o participante que realizou a indicação quanto o indicado à bolsa de estudo. A bolsa de estudos será concedida após a confirmação do pagamento e matrícula dos dois participantes indicados. Os ganhadores receberão um comunicado da escola informando a disponibilidade da bolsa, assim como os cursos disponíveis e datas de início para a escolha. 

 

2. Compre e Leve: curso de História da Arte online:

Os participantes que adquirirem o Kit de material da ABRA terão como brinde um curso online de História da Arte. O curso online será disponibilizado em até 3 dias úteis após a confirmação do pagamento do Kit de material, a) caso a aquisição seja de um curso de história da arte, deve ser oferecido outro curso equivalente.

 

3. Desconto de 60% em todos os cursos online:

Durante o período da campanha, todos os cursos online terão um desconto de 60% sobre o valor regular.Os participantes poderão se inscrever em quantos cursos online desejarem com o
desconto aplicado. 

 

4. Compre um curso e ganhe outro:

Os 200 primeiros participantes que adquirirem cursos online, terão como brinde acesso a um segundo curso à sua escolha que deverá seguir alguns critérios que são: a) é limitado a 1 curso por pessoa b) a campanha se estenderá até atingir o número de pessoas da estipulado, não tendo prazo definido para encerramento c) caso no período de 60 dias correspondentes a campanha não atinja a quantidade de 200 participantes todos que adquiriram serão contemplados d) é de responsabilidade do participante acompanhar seu e-mail para receber as informações relativas à campanha e) a ABRA não se responsabiliza com a perda de informações enviadas f) o participante que não enviar a opção de curso até a data estabelecida terá seu benefício cancelado. g) o e-mail solicitando a escolha do seu próximo curso será enviado em até 7 dias úteis após a confirmação do pagamento do primeiro curso, através do e-mail disponibilizado na hora da compra h)O acesso ao segundo curso só será disponibilizado após o envio da escolha do curso que siga os critérios descritos neste parágrafo. i) o
prazo para receber o acesso dos cursos é 30/09/2023 j) lista com todos os ganhadores será disponibilizada apenas no fim da campanha. É de responsabilidade do participante acompanhar seu e-mail para receber as informações relativas à campanha. O prazo de resgate da oferta é de 60 dias.

 

5. Bolsa integral de curso online para ação social:

A cada curso presencial adquirido, a ABRA vai disponibilizar uma bolsa integral do curso online História da Arte para um aluno matriculado na rede estadual de ensino médio. A seleção dos alunos beneficiados será realizada em parceria com instituições de educação parceiras. As bolsas serão disponibilizadas ao final da campanha para a instituição de ensino escolhida.